Técnicas e temperos se fundem para conferir ao cardápio leveza, sabor e brasilidade. Um serviço isento de formalidades completa a experiência

A boa gastronomia da esquina, proposta do COIN por Ivan Lopes, destaca cardápio leve, enxuto e saboroso, ideal para qualquer ocasião, seja para petiscar, tomar um café, drink ou vinho, seja no almoço, happy hour ou jantar. Com novo horário de funcionamento, agora das 11h30 às 15h e das 18h às 23h (às terças-feiras o restaurante está fechado), o verão do COIN desperta a brasilidade no paladar dos clientes.

Uma gastronomia sem rótulos, com valorização máxima aos ingredientes e explorada em toda a sua sazonalidade dá vida a um menu sem formalidades, porém repleto de técnicas e temperos. Pratos como Ceviche, Polvo e Atum provam a simplicidade elegante do chef, com apresentações que sugerem a degustação de mais de um prato.

A experiência

As opções podem ser encaradas como individual bem servidas ou comidinhas para dividir, completando o pedido com outras variações para ampliar a experiência. Entre um prato e outro, uma pegada slow food com marcante valorização da gastronomia regional, muito bem-feita com ingredientes que Ivan busca em produtores locais e de Santa Catarina.

De sobremesa, opções como Cocada de Forno (com coco fresco, baba de moça, frutas vermelhas, azeite extravirgem e flor de sal) e Creme Brullè de Doce de Leite e Cumaru.

“Quero que os clientes passeiem pelo cardápio e não se sintam presos a nada. Assim, quem quiser vir só para comer uma sobremesa e ouvir boa música ou frequentar a loja de vinhos assinada pela Adega Muf’s, virá ao lugar certo”, diz Ivan Lopes.

Especiais

Aos finais de semana, o COIN oferece cardápios especiais. Às sextas, as ostras são as estrelas, com opções gratinadas e com vinagre de manga. Aos sábados, a Paella vem nas versões Valenciana, Mediterrânea e Vegetariana. Aos domingos, o Bife Wellington, um clássico francês que leva mignon envolto em parma e massa folhada mousseline de batata trufada, finalizado com molho roti, é o destaque.

Drinks

O cardápio do COIN conta com sete opções de drinks autorais e 15 clássicos que todo mundo ama. O bartender Ivan Santos, que há sete anos faz carreira na coquetelaria (com passagens pelo restaurantes Tuna, Full Jazz e bar do Graciosa Country Club), aponta como destaques duas sugestões que harmonizam muito bem com o cardápio do COIN – o Kazuaki (R$ 36), que contempla sakê, cointreau, whiskey Jack Daniels Honey, maracujá, pimenta tabaco e Simple Syrup, e o Buena Onda (R$ 38), com Licor 43, limão siciliano, Cynar e Club Soda. O primeiro é bastante refrescante, tem cor amarela, guarnição de flor e pimenta dedo-de-moça, e combina com entradas e com os pratos Cordeiro, Atum e Polvo. O Buena Onda, por sua vez, é novo na carta e é amargo, leve e refrescante.

O COIN (R$ 38), o drink que leva o nome da casa, contempla dose de café espresso (tirado na hora), infusão de lúpulo (feito no restaurante), cura de especiarias (direto da horta), syrup de cumaru (brasileiro como a gastronomia do chef), kahlua e abacaxi. O clássico da coquetelaria, contudo, é o Negroni do Presida (R$ 38), que leva Gin Tanqueray, Campari e Vermouth Carpano Punt e Mes. E, para quem adora coentro, o melhor drink é o Parfum (R$ 36), com Gin Gordons, Noilly Prat, coentro, Club Soda, suco de limão e syrup.

Serviço:

Acompanhe a programação do COIN pelo Instagram @coinporivanlopes. O estabelecimento fica na Rua Mauá, 110, Alto da Glória. Faça sua reserva pelo telefone/WhatsApp: 41.3503-8000

Dias de funcionamento: de quarta a sexta-feira, almoço das 11h30 às 15h e Jantar das 18h às 23h; sábados das 12h às 23h e domingo das 12h às 16h. A casa não abre às terça-feiras.